Lendo agora:

Papisa reflete os saberes do tempo em novo clipe, “A Velha”

Papisa reflete os saberes do tempo em novo clipe, “A Velha”


Existe uma figura mística, inspirada em lendas do Sagrado Feminino, chamada Baba-Yaga. É uma velha que dizem voar e se alimentar de ossos humanos moídos e ao mesmo tempo é também uma personagem conselheira, guardiã de muitos segredos e dona de muita sabedoria. Seu habitat? A floresta úmida e escura, densa tal qual seus poderes de vida e morte. 

Ou seus poderes sobre o Tempo, que iniciam-se com o despertar da curiosidade infantil e se expandem nos conhecimentos amadurecidos pela velhice.

Com dança, poesia e uma exuberante natureza – no caso, áreas florestais do município de Gonçalves (MG) -, a cantora, compositora e instrumentista paulistana Papisa retoma a temática de Baba-Yaga, o tempo e seus saberes no videoclipe inédito de “A Velha”.

A faixa é também o primeiro single do disco de estreia de Papisa, que sairá ainda este ano, e integra a Coletânea SÊLA de Produtoras Musicais. Dirigido por Renata Chavs e Papisa, o clipe completa sua produção 100% feminina com Thany Sanches na montagem, May Manão e Filipa Aurélio como diretora e assistente de fotografia, respectivamente.

“A Velha é uma figura feminina que reúne poder e sabedoria, ao mesmo tempo em que simboliza o fim. No clipe, procuramos representá-la como uma fase da vida da mulher, e também como uma força que é, muitas vezes, temida”, reflete Papisa sobre sua composição, uma homenagem a Baba-Yaga e todas as mulheres detentoras de conhecimento. Do fundo da mata da gente, A Velha diz muito sobre nós mesmas. Veja abaixo:


Compartilhe

Deixe um comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos obrigatórios são marcados com *

Digite o que você deseja buscar