Lendo agora:

Luiza Machado e Marcelo D2 dirigem o filme “Bem Bolado é Rio”

Luiza Machado e Marcelo D2 dirigem o filme “Bem Bolado é Rio”

Juntos no amor e na sociedade Luiza e D2 participam da campanha da Bem Bolado Brasil e chegam para enaltecer o orgulho do carioca, que vem passando por maus bocados mesmo antes da pandemia. O casal dirige o filme “Bem Bolado é Rio”, que chega para reforçar que tanto a cidade quanto o carioca são realmente maravilhosos.

“Eu amo set! Gravar – e agora grávida – realmente foi especial e empoderador. A produção ficou por conta da Marina Novello, amiga, família e super parceira de trabalho (amo quando trabalhamos juntas!). Esse caminho que fizemos pelo Rio me fez me apaixonar de novo pela cidade. O Rio é uma cidade linda, apesar de todas as suas contradições. Acho que conseguimos cobrir áreas especiais da cidade, fiquei feliz com o resultado”, conta Luiza.

Luiza Machado de máscara por Yasmin Santos

Eu amo set! Gravar – e agora grávida – realmente foi especial e empoderador. (Luiza Machado)

 

Luiza foi peça fundamental na concepção do disco “Assim Tocam Os Meus Tambores”, gravado e produzido de forma remota, durante a pandemia. Ela também canta na faixa “É Manhã(Vem)”. Além do álbum, Luiza e Marcelo produziram um filme que se passa dentro do apartamento do casal, no Rio de Janeiro.

Mulher na Música falou com Luiza:

Como você participou da concepção do disco “Assim Tocam os Meus Tambores”? 

O “Assim Tocam os Meus Tambores” foi um projeto muito especial para mim. Foi minha primeira direção de produção e foi realmente uma salvação para a cabeça participar da criação de um projeto artístico, em meio a uma pandemia mundial e de tempos de muita instabilidade e incerteza. Eu e o Marcelo fizemos tudo desde o início, ele com o lado da criação e eu com a parte mais burocrática do disco: contratos, registros, orçamento, liberações, as lives junto com o Luca. O Marcelo sempre dá espaço para colocar minhas ideias e contribuir na parte criativa, então também pude colaborar nesse aspecto. 

em casa por Marcelo D2

Como foi cantar na faixa 9 “É Manhã (Vem)”? Foi a primeira vez que você gravou uma música?

Sem dúvida foi uma grande surpresa! Como eu falei, eu e o Marcelo trocamos muito no campo artístico e foi um barato gravar com ele! Eu amo cantar, sempre amei e poder cantar numa música do Marcelo foi uma realização. Já gravei antes, sim, fui vocalista de uma banda anos atrás com amigos queridos, chamada “Bambino e Os Asteróides”. Era um grupo de 7 integrantes, do meu amigo Vitor Bambino. Ele me chamou para gravar 2 faixas do disco com duas mulheres que admiro muito: Stephanie Fernandes (Alles Club) e a Marcela Rosa (Spllash!). Depois disso me chamou para ficar na banda. Fizemos alguns shows aqui no Rio. Bons tempos!!

Você vai participar do próximo disco “Assim Tocam Os Meus Tambores Vol. 2?”

Vou participar sim, como diretora de produção de novo e na parte de criação do filme do projeto. 

Como você atua na produtora Pupila Dilatada?

Eu sou sócia, diretora, produtora, secretária, financeiro… Faço de tudo, só não sei editar vídeo. Preciso aprender, rs! (Luiza Machado)



Compartilhe
Escrito por

Perfil da Redação do site mulhernamusica.com.br

Deixe um comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos obrigatórios são marcados com *

Digite o que você deseja buscar